Como tomar controle de uma vez por todas da sua procrastinação!

procrastinação

Opa, tudo bem? Aqui é o Anderson Almeida para mais um artigo no blog, desta vez falando como tomar controle de uma vez por todas da sua procrastinação.

Como você bem sabe vivemos na época mais abundante que já vivemos, nunca na história tivemos tanto acesso a riqueza como hoje.

É possível encontrar na maior parte das cidades, água encanada, saneamento básico, e acesso a internet por exemplo.

E mesmo assim as pessoas encontram dificuldade para fazer o que tem que ser feito para viverem satisfeitas e realizadas.

O motivo e o problema são resultantes do mesmo ponto, a abundância em excesso deixou as pessoas mais fracas em relação a sua superação diária.

Pare por um minuto para refletir sobre essa questão e você vai perceber em pouco tempo.

Continue lendo e entenda como:

  • O mundo era complicado antigamente!
  • A vida virtual é uma edição da vida real!
  • As pessoas podem mudar quando elas quiserem!

Sei que pode parecer só motivacional, mas pretendo passar conhecimento prático para você tomar controle total da sua produtividade.

O mundo era complicado antigamente sim!

Tudo era mais complicado e mais difícil de ser alcançado.

Digamos por exemplo que você decida ir ao mercado comprar comida para alimentar sua família de 13 filhos, nos anos 60.

Chegando lá você pede 10 kg de arroz, 3 kg de feijão e um corte de costela com bem gorda.

Esse era um procedimento comum naqueles dias, e tudo era pesado e tirado diretamente do saco que permanecia aberto no armazém.

Anotava-se na caderneta e pagava-se sempre que recebia o salário o seu salário e salários dos filhos que já trabalhavam na roça ou em trabalhos braçais.

 

Nos dias atuais essa é outra realidade, você vai até o supermercado comprar algo como comida para alimentar apenas 2 filhos.

Não precisa pedir nada ao comerciante, pois vai até a prateleira e você escolhe o tipo, marca e quantidade necessária, até mesmo a carne que vem embalada com selo de qualidade e inspecionada pela ANVISA e vigilância sanitária.

Tudo pago no débito ou no cartão de crédito que só será debitado em 40 dias, podendo parcelar em até 12 vezes.

Essas duas cenas fictícias já aconteceram e acontecem em muitos lugares no mundo e nos faz encarar um paradoxo.

Quanto mais opções nós temos menos escolhas somos capazes de fazer, apesar da simplicidade dos dias de hoje, ficamos empacados.

Vivemos eternamente na fuga do sofrimento da escolha errada.

A primeira reação à facilidade de escolha e a quantidade de escolha é não escolher nada e evitar o arrependimento do erro.

Por consequência vivemos um eterno arrependimento de não ter escolhido nada.

Esse é o pior veneno que podemos ter nos dias de hoje, o arrependimento.

Hoje vivemos os dias mais abundantes da história, e com mais opções possíveis até o momento e a riqueza proporcional por pessoal aumentou muito.

E por que vivemos eternamente desmotivados a viver uma vida significativa?

Essa é exatamente a pergunta que me fiz há algum tempo e que também pode ser uma das suas questões.

O que é possível notar nessa pergunta é, precisamos de desafios para sair do lugar e fazer algo, precisamos de algo maior do que nós.

Naquela época, décadas atrás, era complicado ter acesso a coisas básicas, como alimento e saneamento básico, nada mais desafiador, SOBREVIVER.

Hoje com a abundância de recursos acabamos perdendo essa motivação básica e precisamos encontrar algo que seja desafiador novamente.

Para mim e para você existe uma solução simples, que bom. Aprender a observar o mundo como algo maior do que nós, além dos nossos umbigos.

Encontrar uma forma de ajudar o mundo a ser melhor e se responsabilizar por outras pessoas pode trazer significado novamente para sua vida.

É um grande desafio diário e permanente fazer escolhas pensando nas consequências para o mundo a nossa volta.

Ir além de nós e perceber que tudo o que fazemos impacta a vida das outras pessoas é animador e desafiador ao mesmo tempo.

Precisamos disto para viver novamente com a energia lá em cima, pois sabemos que sem nós tudo o que fizermos não seria feito.

E olha que existem muitos desafios esperando dentro e fora de nossas casas, e nós podemos resolvê-los.

A vida virtual é uma edição da vida real!

Outro fator que podem em grande medida aumentar ainda mais nossa insatisfação com nossos resultados pessoais são as redes sociais.

Em geral recheadas com pessoas bonitas, bem realidade, e que viajam muito.

O que não pode ser uma completa verdade.

No dia-a-dia conversando pessoalmente com as pessoas percebemos uma realidade diferente, pessoas feias(mal arrumadas), insatisfeitas e que pouco saem de casa.

Existe uma grande diferença entre o que recebemos de informação (muitas vezes editadas, manipuladas, e infladas) nas redes sociais.

Ao comparar os resultados de outras pessoas com os nossos já cometemos um grande engano, somos completamente diferentes um dos outros.

Outro equivoco pior é comparar os resultados “virtuais” de uma pessoa com os nossos resultados reais do dia-a-dia.

Sei que tudo é uma coisa só, mas procuramos mostrar somente o que desejamos ao mundo, não tudo o que ele realmente é.

Podendo assim criar um desanimo muito grande em fazer algo, pois nossos amigos parecem sempre estarem se divertindo enquanto nós só trabalhamos.

Por esse motivo não se engane a vida não é tudo aquilo que aparece nas redes sociais, e as pessoas também sofrem, só não compartilham tanto assim.

As pessoas podem mudar quando elas quiserem!

Mais uma vez quero ressaltar que tudo pode parecer motivacional, mas existe uma boa razão para você prestar atenção até o fim.

Todas as pessoas podem mudar quando elas quiserem até mesmo você que acumulou um monte de atividade, e sente-se empacado.

Eu digo isso por experiência própria, já passei semanas durante a vida adulta sem produzir nada de significativo, só realizando atividades básicas.

Com muita pouca vontade de sair da cama, e iludido com redes sociais de amigos e colegas.

E tudo isso mudou, não foi fácil, nem de um dia para o outro. O que mudou rápido foi minha decisão. Na real demorou um segundo.

Decidi não ficar mais parado vendo a vida passar e ser só mais um no meio da multidão!

Foi esse motivo de começar esse negócio para começo de conversa.

O próprio nome Carpediando é um símbolo disto, Viver todos os dias colhendo resultados.

É isso que significa Carpediar!

Depois de encarar a realidade e começar a tomar decisões conscientes e pensando em outras pessoas além de mim tive o desafio necessário.

Agora penso menos em consequências negativas, e mais em consequências positivas. Importante lembrar não fazer nada não evita os problemas reais.

Eles existem e sempre vão existir; só que lutar para melhorar as coisas é o principal motivo para fazer as coisas acontecerem.

Continue lendo ainda não acabou…

Nesse artigo aprendemos juntos:

  • Hoje é tudo muito fácil, cuidado…
  • A vida virtual é uma parte da realidade, não ela toda!
  • Você é capaz de mudar e fazer sua vida empolgante..

Como acabar com a procrastinação!

Comece fazendo escolhas conscientes para sua vida, escolha somente o que é essencial, não desperdice sua energia com futilidade!

Assista menos a vida dos seus amigos, viva a suas próprias histórias.

Espero que esse artigo tenha te ajudado a tomar controle da sua procrastinação de uma vez por todas.

Até o próximo artigo, lembre-se de compartilhar com seu amigo que precisa ler isso e também comentar abaixo para que eu possa sempre melhorar.